A subsecretária de Saúde Pública do Chile, Paula Daza, a mando do presidente Sebastián Piñera, informou que será seguido um protocolo rígido para a reabertura das fronteiras aos turistas estrangeiros. Este protocolo seguirá critérios epidemiológicos, com a intenção de reduzir a possibilidade de aumento de casos e mortes, pelo COVID-19.

Paula também explica que entende a dor que a pandemia trouxe para as famílias, pois com o fechamento das fronteiras, muitas ficaram separadas. O protocolo a ser seguido, coloca a saúde de todos em primeiro lugar.

O ministro da saúde, Enrique Paris, informou que houve um aumento de casos em La Florida, Lo Barnechea, Quinta Normal e San Joaquín, mas o número de casos graves é menor desde 4 de maio. Enrique continua frisando a importância dos cuidados para combater a pandemia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *